Bruno Lima

Sobre Bruno Lima

Bruno Rodrigues de Lima nasceu corinthiano (graças a Deus) no lado norte da cidade de São Paulo. Viveu ilegalmente no lado leste de New York City e legalmente, veja só, na cidade do Salvador da Bahia, onde se graduou em Direito e trabalhou na Escola Municipal Eugênia Anna dos Santos (Comunidade Ọbá Biyi n'Ilê Axé Opô Afonjá). É mestre em Direito, Estado e Constituição pela Universidade de Brasília (UnB), instituição pela qual cursa o doutorado também em Direito (Constituição e Democracia) e, mestrando em História Social na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Começou os estudos astrológicos em 2009 e desde 2014 contribui regularmente com a Saturnália - Escola de Astrologia. É advogado militante no Supremo Tribunal Federal e editor de "Lama & Sangue - Bahia 1926". http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4402319Y6
30 04/2017

Incelença para Belchior – “um simples cantador das coisas do porão”.

By | 2018-03-24T21:16:47+00:00 domingo, 30 abr 2017|Natividades, Prática|0 Comentários

A Lua do dia chora. A Saturnália inteira chora. Diferentemente do “Fantástico show da vida” (https://saturnalia.com.br/televisao-do-ceu-2/) a gente chora, mas não bica cadáver quente. E o vate ontem vaticinou: “Saturno é o carcereiro da alma, guarda a chave da solitária”. [...]