Notas astrológicas sobre o signo do Touro

Notas astrológicas sobre o signo do Touro

By | 2019-02-05T13:35:39+00:00 terça-feira, 05 fev 2019|Signos, Teoria|0 Comentários

São doze os signos do zodíaco. Touro é o segundo signo. Touro estabiliza a estação aberta por Áries, isto é, a primavera. Touro é polpa de primavera. Também chamado de signo fixoimóvel ou sólido. Os demais signos fixos são: Leão, Escorpião e Aquário. Os signos fixos são os signos teimosos, cabeças-duras, plantados no chão. Prontos para erguerem construções perenes.

Todo signo fixo estabiliza a estação que habita. Áries veio e trouxe a primavera, o broto. Agora a vida quer raiz, tomar corpo: Touro. Touro é o clímax da primavera, a consagração da vitória de Áries sobre o inverno tenebroso.

Enquanto Áries é ímpeto, rebento, veloz como um raio, Touro é concentração, calma, contenção da fúria primordial.

O signo oposto a Touro é o Escorpião. Touro vê no Escorpião um poço de mistérios. Escorpião vê em Touro alguém que só pensa em conforto. No fundo do olho do boi há um escorpião.

O espelho de Touro é o signo de Leão, é o que chamamos de antíscia. Touro e Leão são semelhantes na busca de saciar seus apetites.

O anti-espelho de Touro, ou contra-antíscia, é Aquário. Touro acha irreal o idealismo aquariano.

Touro vê Virgem e escuta Peixes.

O planeta regente de Touro é a Vênus, dama dos prazeres. Há dois domicílios para Vênus, Touro e Libra. Touro é o domicílio noturno. Todo prazer vem do corpo, e todo corpo vem da terra, é o que dizem, respectivamente, Vênus e Touro.

Touro dá exílio a Marte e palácio à Lua. Touro exalta a Lua, isto é, casa, família e segurança. É a Lua que dá a Touro caráter provedor, Touro vaca profana. Por outro lado, Touro não aprecia a rudeza de Marte e seu constante estado de espírito em pé-de-guerra. Touro é a consagração de Vênus, o amor, e da Lua, a satisfação das necessidades do corpo e da alma.

Áries veio e trouxe a primavera, o broto. Agora a vida quer ganhar raiz, tomar corpo: Touro. Todo prazer vem da terra. A primavera é a hora e a vez dos gramados verdes, dos frutos, das flores, dos perfumes da natureza. E aí fica lá o Touro potente desfrutando das formas e dos aromas saindo pelo chão. Frutificação.

Touro contém fúria. Fúria e música. Touro é a contenção da fúria primordial. Touro contém Áries. Touro dá corpo à vida que o Carneiro traz. Touro é a consagração da vitória de Áries sobre o inverno terrível. Enquanto Áries é ímpeto, Touro é contenção.

Touro é forte como um boi de arado. Touro carro-de-boi. Por outro lado, lânguido como um bicho-preguiça. Touro empurra, enguiça, empaca. Corpo dos prazeres ou pasto de carrapato. Másculo como um touro de tourada. A fúria rumina calmaria. Quatro patas aterradas. Touro é tronco de baobá.

A força de trabalho do Touro é tão grande quanto um carro-de-boi que é capaz de carregar cargas e mais cargas e arar extensas faixas de terra. Touro é tido como preguiçoso, devido a regência da Vênus, mas, talvez, não tenha outro signo que trabalhe tanto, de sol a sol, tal qual um burro de carga. Touro entrega o seu pescoço ao jugo do trabalho, afinal, conforto se conquista com o suor sagrado do rosto.

Touro trabalha como um boi, mas também é o signo que ama os prazeres da carne que o dinheiro do trabalho compra. O dinheiro para Touro tem finalidade prática.

O que aterroriza Touro é a perda da sensualidade que emana do seu corpo. Ou, em outras palavras, o medo de perder terreno no mercado dos prazeres e das delícias. Touro tem pavor que Eros o abandone chupando dedo no fim da fila. Medo que o Desejo não mais o morda. Não se trata de ter medo de envelhecer (até porque os velhos transam e gozam), mas Touro teme a perda da libido, do tônus, da malícia e do perfume de uva que exala dos seus lábios. Touro teme não poder beijar mais na boca.

Touro é como um bom vinho: encorpado, perfumado, embriagante. A sensualidade exala do corpo do Touro. E quando isso não acontece, é porque o Touro trocou o conforto do mundo, o gosto do mel da vida, pela obediência aos carrapatos sugadores.

O mundo pode ser muito cruel, mas ainda é uma opção manter-se fiel ao pulso embriagante da vida. Sente o perfume da vida? A vida ou é bebida com requinte ou com sofreguidão dos que esperam a hora no abatedouro. O prazer é um estilo de vida mas, sobretudo, uma ética de estar presente no mundo, para sorvê-lo bem devagar com lascívia.

Touro é ruminante. Geralmente, excessivamente passivo e pacífico. Dá uma boiada para não entrar em conflito, mas quando entra, sai de perto do Boi enfurecido, caso não queira levar um pisão de uma tonelada e ser esmagado. A fúria do Touro é o do boi de tourada que foi provocado sem fim. Ou ainda parecido de quando estoura a boiada, e aí temos boiadeiro e boi para tudo quanto é lado.

A fúria taurina é homeopática, rara, mas conhecida e exercida por aqueles que tem este signo operando no seu corpo e espírito. Touro prefere realmente o conforto da paz, mas há uma fúria no fundo do olho do Touro que jamais deve ser subestimada.

Também é em Manílio a citação que Touro entrega ao jugo o próprio pescoço. Touro é um signo na posição horizontal, de massa vagarosa e de olhos em direção ao chão. Aqui também, por consequência, sua ligação à obediência e à passividade. Realmente não há nada mais terrível que o peso da inércia marcando lugar no sofá à frente da televisão. Até que Cupido lance sua flecha e aí verá um Touro em disparada em direção aos seus desejos e paixões.

Touro oferece exaltação à Lua. Então, é claro, que Touro é uma mãe. Signo que inspira a sermos prósperos e provedores. Sob sua aba, cabe sempre mais um prato de comida. “Pode vir que a gente coloca mais água no chão”.

A vida é pertencer aos apetites e à família. Sem família, a vida não é possível, muito menos frutífera. A família é seu charque e também seu bálsamo encantado. Comer e dar de comer, este é o lema do signo de Touro. A vida é prover, o resto é filosofia para boi dormir babando litros de saliva.

Touro sem bagos é boi castrado. Touro sem Baco é boi babaca.

Touro é Baco engarrafado.

Touro, o mais musical dos signos do zodíaco.

________________

Algumas notas astrológicas sobre o signo do Touro.

 

Sobre o Autor:

João, 45, estuda Astrologia desde 1992. Criador do site Saturnália - Astrologia & Cidade, agora também Escola de Astrologia. Propõe uma astrologia enraizada nos fenômenos culturais e uma releitura crítica da astrologia antiga. Dedica-se preferencialmente à prática da Astrologia das Natividades. Nestes 26 anos, desenvolve o que chama de Dramaturgia Celeste, astrologia como linguagem, o céu como narrativa.

Deixar Um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.